Atualização na política de outros negócios restritos (agosto de 2018)

O Google oferece versões traduzidas da Central de Ajuda para sua conveniência, porém tais traduções não têm por objetivo alterar o conteúdo substantivo das nossas políticas. A versão em inglês é a usada oficialmente para aplicar nossas políticas. Se quiser ver este artigo em outra língua, confira a lista de idiomas na parte inferior da página.

Conforme anunciado anteriormente, o Google exigirá que os revendedores certificados de ingressos para eventos informem, na mesma moeda, o valor nominal dos ingressos junto com o preço praticado pelo revendedor. 

O Google enviará uma notificação antes que essa exigência entre em vigor. Enquanto isso não ocorre, veja mais detalhes a seguir: 

  • O valor nominal é o preço original de venda do ingresso (sem considerar nenhuma taxa de serviço adicional). Os anunciantes podem usar os valores nominais dos ingressos informados pelo vendedor. 
  • Se o revendedor não souber ou não conseguir estabelecer o valor nominal do ingresso, poderá informar a melhor estimativa possível. No entanto, os consumidores precisam ser notificados de que se trata de um valor estimado. Por exemplo, se você estiver revendendo um ingresso que foi distribuído gratuitamente, o consumidor que comprar esse ingresso precisará ser informado de que o valor nominal estimado dele é R$ 0.
  • O valor nominal precisa ser informado como parte do detalhamento sobre tributos/taxas durante o processo de conclusão da compra e exibido em uma fonte que seja do mesmo tamanho ou maior que aquela da maior parte do texto presente nesse processo. 

Postado em agosto de 2018 

Isso foi útil?
Como podemos melhorá-lo?
true
Pesquisa
Limpar pesquisa
Fechar pesquisa
Google Apps
Menu principal
Pesquisar na Central de Ajuda
true
73067
false