Evitar o bloqueio da Conta do Google

Siga estas dicas para poder fazer login na sua Conta do Google ou no serviço do Gmail mesmo se:

  • você esquecer sua senha;
  • você perder o smartphone;
  • houver atividades suspeitas na sua conta.

Por que informações de recuperação e backups são tão importantes

Sua conta tem conteúdo importante, como e-mails, documentos, fotos e compras do Google Play. Sem informações de recuperação e backups atualizados, você pode perder tudo o que está armazenado na conta. Para ajudar a manter o conteúdo disponível para você, siga estas etapas.

Etapa 1: adicionar ou atualizar informações de recuperação

As informações de recuperação são uma das melhores formas de garantir que você não perca a possibilidade de fazer login. Se você tiver problemas, usaremos essas informações para ajudar a recuperar sua conta. Também as usaremos para informar sobre atividades suspeitas na sua conta.

Saiba mais sobre como adicionar informações de recuperação.

Etapa 2: configurar mais maneiras de fazer login

É possível adicionar mais maneiras de fazer login e provar que você é o proprietário da sua conta.

Se você faz login apenas com uma senha

Também é possível fazer login com seu smartphone, em vez de uma senha. Se você esquecer a senha, será útil ter outra maneira de fazer login.

Se você faz login com códigos ou prompts (verificação em duas etapas)

Armazenar códigos alternativos

Se você perder ou quebrar o smartphone, os códigos alternativos poderão ajudar a acessar sua conta. É possível fazer o download de códigos alternativos em um dispositivo ou imprimi-los e armazená-los em um local seguro.

Receber códigos de um app

É possível receber códigos para fazer login mesmo que você não consiga receber mensagens de texto. Saiba como instalar o app Google Authenticator para receber códigos no seu smartphone.

Se você viaja com frequência

Quando o login é feito a partir de um novo local, o Google pode solicitar que você realize uma etapa a mais para confirmar que é você. Siga estas dicas para ficar mais bem preparado quando viajar.

1. Atualizar suas informações de recuperação

Verifique se ainda é possível usar seu número de telefone e endereço de e-mail de recuperação. Dessa forma, podemos ajudar a recuperar sua conta caso você não consiga fazer login.

2. Carregar seu telefone de recuperação

Seu telefone de recuperação pode ajudar a provar que você é proprietário de uma conta. Para usá-lo, você precisará de dados móveis ou Wi-Fi.

Antes de viajar, faça login na sua conta no telefone de recuperação. Mantenha esse telefone com você durante a viagem.

3. Adicionar mais maneiras de fazer login

Se a verificação em duas etapas estiver ativada, você poderá adicionar mais maneiras de fazer login.

Etapa 3: deixar sua conta mais segura

Use as dicas abaixo para ajudar a garantir que apenas você consiga acessar sua conta.

Verificar a segurança da sua conta

Faça uma Verificação de segurança para revisar suas configurações de segurança e atividades.

Ajudar a proteger suas informações e contas

Evite e-mails, mensagens e chamadas suspeitos

Criminosos podem usar e-mails, mensagens e chamadas telefônicas para falsificar a identidade de instituições, membros da família ou colegas.

Não responder a solicitações suspeitas

  • Nunca forneça suas senhas. O Google nunca pede sua senha por e-mail, mensagem ou chamada telefônica.
  • Não responda a e-mails, mensagens de texto, mensagens instantâneas, páginas da Web ou chamadas telefônicas suspeitos que solicitem suas informações pessoais ou financeiras.
  • Não clique em links em e-mails, mensagens, páginas da Web ou pop-ups de sites ou remetentes não confiáveis.

Dica: no Gmail, é possível apontar para os links para ver o endereço e verificar se é o esperado.

Identificar configurações e e-mails suspeitos

Manter a conexão mais segura

Criminosos usam sites falsos e Wi-Fi público para roubar informações pessoais.

Verificar o endereço do site

Criminosos podem criar sites falsos muito parecidos com sites reais. Tenha cuidado ao seguir o link de uma mensagem, e-mail ou site em que você não confia.

Antes de inserir informações pessoais em um site, verifique se:

  • o endereço na barra de endereço está correto;
  • o endereço começa com "https", e não com "http". O "s" significa que o site é mais seguro contra espionagem. Mesmo assim, ele pode não ser seguro.

Não inserir informações pessoais em redes Wi-Fi públicas

Criminosos podem ver as informações que você envia quando usa Wi-Fi público. Se você estiver usando Wi-Fi público, não insira informações confidenciais, como:

  • senhas;
  • números de contas bancárias;
  • números de segurança.

Escolher uma senha forte para a rede Wi-Fi da sua casa

Alguns equipamentos podem vir com senhas de fácil configuração, que os criminosos podem conhecer.

Para configurar o Wi-Fi em casa, siga as instruções do seu provedor de acesso à Internet ou do fabricante do roteador para definir a senha.

Saiba mais sobre como criar uma senha forte.

Mantenha suas contas e dispositivos mais seguros

Os criminosos procuram maneiras fáceis de acessar contas, como senhas fracas, senhas compartilhadas entre contas ou dispositivos desbloqueados. Siga estas dicas para manter um controle melhor das suas contas.

Usar uma senha forte para cada conta

  • Nunca reutilize senhas em contas diferentes. Assim, se um criminoso descobrir uma senha, não poderá usá-la para acessar outras contas.
  • Use uma combinação de letras maiúsculas e minúsculas, números e símbolos.
  • Evite usar informações pessoais que outras pessoas possam saber ou descobrir.
  • Evite usar palavras, frases e padrões de teclado comuns.

Saiba mais sobre como criar uma senha forte.

Dica: use um navegador, como o Chrome, para ajudar a gerenciar suas senhas de diferentes contas.

Configurar a verificação em duas etapas

Dificulte o acesso de criminosos à sua conta. Com a verificação em duas etapas, você faz login com algo que conhece (sua senha) e algo que tem (um código no seu smartphone).

  1. Siga as etapas para configurar a verificação em duas etapas.
  2. Armazene seus códigos alternativos em um local seguro, caso não seja possível usar o smartphone.

Não conceder permissão para apps em que você não confia

Alguns apps não são confiáveis ou seguros. Para ajudar a manter sua conta mais segura:

  • Não permita que apps usem sua conta, a menos que tenha certeza de que eles são de uma fonte confiável.
  • Desative o acesso a apps menos seguros, que não fazem login com segurança.

Navegar de maneira privada e sair de computadores públicos

Se você usa computadores públicos, siga estas etapas para garantir que suas atividades e contas não sejam salvas.

  1. Em um computador público, abra uma janela privada no Chrome.
  2. Faça login na sua conta nessa janela.
  3. Ao terminar, feche todas as janelas privadas.

Observação: se você fizer login na sua Conta do Google em uma janela privada, seus controles de atividade serão aplicados. As mesmas atividades habituais serão salvas na sua conta.

Usar um bloqueio de tela

Seu smartphone pode ter informações pessoais ou facilitar o acesso às suas contas. Por esses motivos, adicione um bloqueio de tela caso o smartphone seja perdido ou roubado.

Saiba como definir um bloqueio de tela.

Se não for possível acessar sua conta

Siga as etapas para recuperar sua conta.

Se você estiver com problemas, tente novamente usando estas dicas para recuperação de conta.

Isso foi útil?
Como podemos melhorá-lo?