Configurar apps gerenciados para dispositivos Android

  Se você tiver a edição gratuita legada do G Suite e quiser usar este recurso, faça upgrade para o G Suite Basic

Como administrador, você pode gerenciar apps de trabalho com segurança em dispositivos Android e deixar os apps pessoais sob o controle dos usuários. Você pode:

  • criar uma lista de permissões com apps recomendados para disponibilizá-los para instalação pelos usuários;
  • instalar automaticamente os apps de trabalho preferidos;
  • gerenciar apps do sistema pré-instalados em dispositivos da empresa.

Observação: se você autorizar um app nos seus dispositivos, mas também bloqueá-lo na página de controles de API, o app será bloqueado. Isso modifica a autorização.

Como a autorização funciona

Você seleciona apps no Google Play (no Google Admin Console) e os adiciona a uma lista de permissões. Os usuários veem um catálogo com esses apps no dispositivo. 

Quando um usuário instala um app autorizado, ele é gerenciado pela organização. Isso significa que, se um funcionário sair da organização, o app será removido quando a conta corporativa desse usuário for removida do dispositivo. Também é possível remover apps gerenciados se um dispositivo for perdido ou roubado. Alguns apps para dispositivos móveis do Google já são permitidos para você, como o Gmail e o Google Drive.

Separar os apps de trabalho dos pessoais

O Gerenciamento avançado de dispositivos móveis é necessário.

Recomende que os usuários configurem um perfil de trabalho para separar os apps profissionais dos pessoais, caso o dispositivo seja compatível. Com isso, eles poderão acessar os apps gerenciados na Google Play Store gerenciada. Depois de instalados, os apps gerenciados aparecem com um ícone de pasta "" que facilita a identificação. Se um dispositivo não for compatível com perfis de trabalho, os usuários poderão acessar os apps na Play Store (na guia "Apps de trabalho"). Veja mais informações em Como usar o Google Play na sua organização.

Etapa 1: abrir sua lista de permissões com apps para Android

  1. Faça login no Google Admin Console.

    Faça login com sua conta de administrador (não termina em @gmail.com).

  2. Na página inicial do Admin Console, acesse Dispositivos.
  3. À esquerda, clique em Gerenciamento de aplicativos e depois Gerenciar aplicativos para dispositivos Android.
  4. Clique em Gerenciar aplicativos permitidos.

Etapa 2: criar a lista de permissões

Adicionar um app
  1. Abra sua lista de apps Android autorizados caso ainda não tenha feito isso.
  2. No canto inferior direito, clique em Adicionar aplicativo "".
    A Google Play Store é aberta.
  3. No canto superior direito, pesquise o app que você quer autorizar. Quando encontrar o app, clique nele.
  4. Clique em Aprovar, leia as permissões do app e clique em Aprovar novamente.
  5. Decida como você quer gerenciar novas solicitações de permissão de apps (por exemplo, o acesso a compras no app ou a informações de identidade). Se você já tiver aprovado o app, primeiro clique em Preferências de aprovação. Você pode:

    Saiba mais sobre as permissões de apps em Gerenciar permissões de apps.

    • aprovar novamente um app de forma automática quando ele solicitar novas permissões;
    • remover um app da lista de permissões até aprová-lo novamente.
  6. Escolha uma opção:
    • Clique em Concluído
    • Se o app já tiver sido aprovado, clique em Selecionar.
  7. Se você quiser autorizar o app para todos os usuários na sua organização, selecione Todos os usuários e clique em Continuar.

    Se sua organização usa o G Suite Business, o G Suite Enterprise ou o G Suite Enterprise for Education, você pode autorizar o app para um grupo específico de usuários:

    1. Selecione uma unidade organizacional ou um grupo.
    2. Selecione a organização ou o grupo dos usuários.
    3. Clique em Continuar.
  8. Defina as preferências do app. Você pode:
    • instalar o app automaticamente nos dispositivos dos usuários;
    • impedir que os usuários desinstalem o app;
    • permitir que os usuários adicionem um widget do app (quando possível) para criar um atalho na tela inicial;
    • definir a configuração VPN sempre ativa para o app. Quando ativado, o tráfego de apps de um perfil de trabalho ou dispositivo gerenciado precisa passar por esse app. Exige o Android 7.0 ou posterior. Essa configuração cria uma conexão de rede mais segura para o tráfego do perfil de trabalho.
  9. Clique em Salvar.
  10. Se você tiver adicionado o Microsoft® Outlook® para Android (não recomendado), verifique se ele respeita as configurações de gerenciamento de endpoints:
    1. No Admin Console, clique em Menu ""e depoisSegurançae depoisControle de acesso de appse depoisGerenciar serviços do Google.
    2. Encontre o Gmail e o Drive na lista de serviços. Se a opção Acesso estiver definida como Não restrito, altere o valor para Restrito. Essa configuração impede que apps não confiáveis acessem os serviços. Quando você adiciona o app conforme as etapas anteriores, ele é automaticamente confiável e pode acessar o Gmail e o Drive.
  11. (Opcional) Para ver mais informações sobre seus apps autorizados, ao lado do app, clique em Mais "" e depois Abrir na Play Store.

O app aparece na lista de permissões quase que imediatamente. Ele estará disponível para instalação no Google Play gerenciado ou na guia "Apps de trabalho" da Play Store na próxima vez que o dispositivo for sincronizado com o gerenciamento de endpoints do Google. Se um usuário instalar um app fora da Google Play Store gerenciada ou da guia "Apps de trabalho", esse app não será gerenciado.

Remover um app

Quando você remove um app da lista de permissões, ele não fica mais disponível para ser instalado na Google Play Store gerenciada nem na guia "Apps de trabalho" na Play Store. Se o usuário já tiver instalado o app, ele não será mais gerenciado, mas também não será removido do dispositivo. O usuário que não tiver feito isso poderá instalar o app na Play Store, mas ele não será gerenciado.

  1. Abra sua lista de apps Android autorizados caso ainda não tenha feito isso.
  2. Escolha uma opção:
    • Encontre o app que você quer remover e clique em Mais "" e depois Remover.
    • Passe o cursor sobre o ícone do app para ver uma caixa de seleção. Marque a caixa. Você pode marcar vários apps de uma vez. No canto superior direito, clique em Excluir "".
  3. Clique em Remover.

Você verá uma mensagem informando que o app selecionado foi removido da lista de permissões.

Observação: não é possível remover o app Google Apps Device Policy da lista de permissões.

Etapa 3: gerenciar apps na lista de permissões

Gerenciar as preferências de app
  1. Abra sua lista de apps Android autorizados caso ainda não tenha feito isso.
  2. Clique no app que você quer gerenciar.
    Dica: se você quiser ver só os apps permitidos para um determinado usuário ou grupo de usuários, aplique os filtros à esquerda. Você pode selecionar uma unidade organizacional, um grupo ou um usuário. Também é possível ver apenas os apps públicos ou particulares.
  3. Ao lado do grupo ou da unidade organizacional em que você quer alterar as preferências do app, clique em Mais "" e depois Editar configuração.
  4. Se você tiver o gerenciamento básico, poderá instalar o app automaticamente nos dispositivos dos usuários.
  5. Se você tiver o gerenciamento avançado, também poderá:
    • impedir que os usuários desinstalem o app se ele tiver sido instalado automaticamente;
    • permitir que os usuários adicionem um widget de app (quando disponível) à tela inicial;
    • aplicar uma configuração gerenciada se o app permitir (detalhes abaixo);
    • definir a configuração VPN sempre ativa para o app. Quando ativado, o tráfego de apps de um perfil de trabalho ou dispositivo gerenciado precisa passar por esse app. Exige o Android 7.0 ou posterior. Essa configuração cria uma conexão de rede mais segura para o tráfego do perfil de trabalho.
  6. Clique em Atualizar.

Observação: as alterações geralmente entram em vigor em minutos, mas podem levar até 24 horas para serem refletidas nos dispositivos de todos os usuários.

Aprovar atualizações de permissão

Quando você coloca um app para Android na lista de permissões, pode controlar o que o app pode acessar em nome dos usuários da organização, o que também é conhecido como permissões. Por exemplo, um app talvez queira permissão para ver os contatos ou o local de um dispositivo. Independentemente das permissões que você conceder, os usuários poderão alterar essas permissões depois que o app for instalado no dispositivo.

As permissões de um app na lista de permissões podem mudar quando o app for atualizado. Os apps com atualizações de permissão que você precisa aprovar são marcados com o ícone de exceção "" no Admin Console. Para aprovar as solicitações de atualização de permissão:

  1. Abra sua lista de apps Android autorizados caso ainda não tenha feito isso.
  2. Ao lado do app com o ícone de exceção "", clique em Mais "" e depois Abrir na Play Store.
  3. Clique em Aprovar, leia as permissões e clique em Aprovar novamente.
  4. (Opcional) Decida como você quer gerenciar novas solicitações de permissão de apps (por exemplo, o acesso a compras no app ou a informações de identidade):
    • Para aprovar um app de forma automática quando ele solicitar novas permissões, selecione Manter a aprovação quando o app solicitar novas permissões. Assim, ele será aprovado de forma automática independentemente das novas permissões solicitadas.
    • Para remover um app da lista de permissões até ele ser aprovado novamente, selecione Revogar a aprovação quando o app solicitar novas permissões.
    Saiba mais sobre as permissões de apps em Gerenciar permissões de apps.
    Observação: se você tiver aprovado o app, clique em Preferências de aprovação, para decidir como gerenciar as novas solicitações de permissão de apps, e depois clique em Concluído. Em seguida, clique em Selecionar.
  5. Clique em Concluído.
Gerenciar permissões de tempo de execução (apenas no Gerenciamento avançado de dispositivos móveis)

O Gerenciamento avançado de dispositivos móveis é necessário.

Alguns apps para Android solicitam permissões do usuário enquanto estão sendo executados. Por exemplo, um app pode solicitar o acesso à agenda ou ao local de um dispositivo. Você pode gerenciar como as solicitações de permissão de um app individual são processadas. Essas configurações do app têm prioridade sobre as preferências de permissões de tempo de execução especificadas para o dispositivo.

  1. Abra sua lista de apps Android autorizados caso ainda não tenha feito isso.
  2. Clique no app que você quer gerenciar.

    Dica: se você quiser ver só os apps permitidos para um determinado usuário ou grupo de usuários, aplique os filtros à esquerda. Você pode selecionar uma unidade organizacional, um grupo ou um usuário. Também é possível ver apenas os apps públicos ou particulares.

  3. Ao lado do grupo ou unidade organizacional em que você quer alterar as preferências de permissão de tempo de execução, clique em Mais "" e depois Gerenciar as permissões de tempo de execução.
    Se o app não for compatível com as permissões de tempo de execução, essa opção não estará disponível.
  4. Para cada permissão de tempo de execução, você pode:
    • autorizar a permissão automaticamente;
    • negar a permissão automaticamente;
    • perguntar se o usuário quer autorizar ou negar a permissão.
    Observação: negar as permissões de tempo de execução pode afetar a funcionalidade de alguns apps.
Criar configurações gerenciadas (apenas no Gerenciamento avançado de dispositivos móveis)

Este recurso está disponível no G Suite Business e no G Suite Enterprise. Comparar as edições

O Gerenciamento avançado de dispositivos móveis é necessário.

Alguns apps para Android têm configurações que você pode salvar como gerenciadas. Por exemplo, um app pode oferecer a opção de só sincronizar dados quando um dispositivo estiver conectado a uma rede Wi-Fi. A configuração gerenciada padrão atribuída a um app é definida pelo desenvolvedor do app. Você pode verificar se um app é compatível com as configurações gerenciadas no Google Play gerenciado. Veja mais detalhes em Configuração de app gerenciado.

Com as configurações gerenciadas, é possível configurar apps automaticamente para um grupo ou uma unidade organizacional sem qualquer interação do usuário. Você pode criar várias configurações gerenciadas para o mesmo app e aplicar diferentes configurações a grupos ou unidades organizacionais diferentes. Para criar uma configuração gerenciada:

  1. Abra sua lista de apps Android autorizados caso ainda não tenha feito isso.
  2. Clique no app que você quer gerenciar.

    Dica: se você quiser ver só os apps permitidos para um determinado usuário ou grupo de usuários, aplique os filtros à esquerda. Você pode selecionar uma unidade organizacional, um grupo ou um usuário. Também é possível ver apenas os apps públicos ou particulares.

  3. Na seção "Configurações gerenciadas", clique em Criar nova configuração gerenciada.
    Se o app não for compatível com configurações gerenciadas, essa opção não estará disponível.
  4. Adicione um nome de configuração e defina a configuração preferencial.
    Observação: o desenvolvedor do app define as opções de configuração que ficam disponíveis para você. Em caso de dúvidas sobre essas configurações, entre em contato com o desenvolvedor.
  5. Clique em Salvar.
  6. Para aplicar uma configuração gerenciada ao app em um grupo ou em uma unidade organizacional, consulte o tópico Gerenciar as preferências de app.
  7. Para editar ou excluir uma configuração gerenciada, clique em Editar "".
    Observação: antes de excluir uma configuração gerenciada, você precisa removê-la de qualquer unidade organizacional ou grupo. Quando você remove uma configuração, o app é revertido para a configuração padrão definida pelo desenvolvedor.

Etapa 4: distribuir apps para usuários específicos

Adicionar usuários à lista de distribuição de um app

Este recurso está disponível no G Suite Business e no G Suite Enterprise. Comparar as edições

Observação: não é possível distribuir apps para os dispositivos pessoais do usuário se ele os tiver inscrito como "pertence ao usuário" e não tiver criado um perfil de trabalho. O modo de configuração "Administrador do dispositivo" teve o uso suspenso e só está disponível no Android 9.0 e nas versões anteriores.

  1. Abra sua lista de apps Android autorizados caso ainda não tenha feito isso.
  2. Clique no app que será distribuído.
    Na tela "Distribuição de aplicativos", você verá as organizações e os grupos em que o app foi distribuído.
    Dica: se você quiser ver só os apps permitidos para um determinado usuário ou grupo de usuários, aplique os filtros à esquerda. Você pode selecionar uma unidade organizacional, um grupo ou um usuário. Você também pode optar por ver apenas apps públicos ou particulares.
  3. Se você quiser distribuir o app para outro grupo de usuários, clique em Adicionar mais.
  4. Escolha uma das seguintes opções:
    • Para distribuir o app para os usuários em uma unidade organizacional, selecione Unidade organizacional, à esquerda, e o nome da unidade organizacional na lista.
    • Para distribuir o app para os usuários em um grupo, selecione Grupo, à esquerda, e comece a digitar o nome do grupo. Selecione o grupo na lista.

    Veja mais informações em Distribuir aplicativos para dispositivos móveis de forma seletiva.

  5. Clique em Continuar

  6. Especifique as preferências do app da organização ou do grupo e clique em Salvar.
    Você pode:
    • instalar o app automaticamente nos dispositivos dos usuários;
    • impedir que os usuários desinstalem o app;
    • permitir que os usuários adicionem um widget do app (quando possível) para criar um atalho na tela inicial.

Observação: geralmente a alteração entra em vigor em minutos, mas pode levar até 24 horas para ser refletida nos dispositivos de todos os usuários. Se você não selecionar uma organização ou um grupo, o app será distribuído para todos os usuários na organização de nível superior.

Remover usuários da lista de distribuição de um app

Este recurso está disponível no G Suite Business e no G Suite Enterprise. Comparar as edições

  1. Abra sua lista de apps Android autorizados caso ainda não tenha feito isso.

  2. Clique no app com a distribuição que você quer alterar. 
    Na tela "Distribuição de aplicativos", você verá as organizações e os grupos em que o app foi distribuído.
    Dica: se você quiser ver só os apps permitidos para um determinado usuário ou grupo de usuários, aplique os filtros à esquerda. Você pode selecionar uma unidade organizacional, um grupo ou um usuário. Você também pode optar por ver apenas apps públicos ou particulares.
  3. Ao lado da organização ou grupo que você quer remover, clique em Mais "" e depois Remover UO ou Remover grupo.
  4. Clique em Remover para confirmar.

Observação: geralmente a alteração entra em vigor em minutos, mas pode levar até 24 horas para ser refletida nos dispositivos de todos os usuários. Se você não selecionar uma organização ou um grupo, o app será distribuído para todos os usuários na organização de nível superior.

Impedir que os usuários instalem apps não permitidos

O Gerenciamento avançado de dispositivos móveis é necessário.

Os usuários podem instalar apps da Google Play Store. Os apps na lista de permissões aparecem na guia "Apps de trabalho". Para impedir que os usuários instalem apps não permitidos:

  1. Faça login no Google Admin Console.

    Faça login com sua conta de administrador (não termina em @gmail.com).

  2. Na página inicial do Admin Console, acesse Dispositivos.
  3. À esquerda, clique em Gerenciamento de aplicativos e depois Gerenciar aplicativos para dispositivos Android.
  4. (Opcional) À esquerda, selecione uma organização. Se você não selecionar uma organização, as configurações serão aplicadas a todos os usuários.
  5. Ao lado de "Apps disponíveis" no Android, selecione Permitir apenas apps na lista de permissões.
  6. Clique em Salvar.

Observação: geralmente a alteração entra em vigor em minutos, mas pode levar até 24 horas para ser refletida nos dispositivos de todos os usuários.

 

Isso foi útil?
Como podemos melhorá-lo?

Precisa de mais ajuda?

Faça login e veja mais opções de suporte para resolver o problema rapidamente.