Definir requisitos de senha para dispositivos móveis gerenciados

Se você tiver a edição gratuita legada do G Suite, faça upgrade para o G Suite Basic para usar este recurso. 

Como administrador, você pode proteger os dados da sua organização exigindo que os dispositivos gerenciados tenham um bloqueio de tela ou uma senha. Com o gerenciamento avançado, você pode definir características mínimas de senha e exigir que os usuários redefinam a senha regularmente. 

Entender o impacto para o usuário

  • Os usuários recebem uma notificação quando as senhas não estão em compliance com os requisitos e têm 24 horas para atualizar as senhas. Após esse período, os usuários só poderão acessar os dados de trabalho depois que definirem uma senha aceitável.
  • Se você usa o gerenciamento básico e exige uma senha, os usuários com dispositivos Android 5.1.1 Lollipop e anteriores precisarão instalar o app Google Apps Device Policy. As senhas não são aplicadas aos dispositivos Apple® iOS® 7 e anteriores.

Definir os requisitos da senha

Opção básica: exigir um bloqueio de tela ou uma senha
Antes de começar: para aplicar a configuração a determinados usuários, coloque as contas deles em uma unidade organizacional.
  1. Faça login no Google Admin Console.

    Faça login com sua conta de administrador (não termina em @gmail.com).

  2. Na página inicial do Admin Console, acesse Dispositivos.

    Se a opção "Dispositivos" não aparecer na página inicial, clique em Mais controles na parte inferior da tela.

  3. Clique em Configurações de senha.
  4. Para aplicar a configuração a todos, deixe a unidade organizacional mãe selecionada. Caso contrário, selecione uma unidade organizacional filha.
  5. Marque a caixa Exigir que os usuários definam uma senha.
  6. Ao lado de Nível de segurança da senha, selecione Básico (qualquer bloqueio de tela)
  7. (Opcional) Se você usar o gerenciamento básico de dispositivos móveis e quiser exigir senhas em dispositivos anteriores ao Android 6.0 Marshmallow:
    1. Marque a caixa Exigir que os usuários de dispositivos com versões anteriores ao Android 6.0 (Marshmallow) definam uma senha.
    2. Clique em Exigir senha.
      Os usuários desses dispositivos precisarão instalar o app Device Policy.
  8. Clique em Salvar. Se você tiver configurado uma unidade organizacional filha, talvez seja possível herdar ou modificar as configurações de uma unidade organizacional mãe.
Opção avançada (recomendada): exigir uma senha forte
Antes de começar: para aplicar a configuração a determinados usuários, coloque as contas deles em uma unidade organizacional.
  1. Faça login no Google Admin Console.

    Faça login com sua conta de administrador (não termina em @gmail.com).

  2. Na página inicial do Admin Console, acesse Dispositivos.

    Se a opção "Dispositivos" não aparecer na página inicial, clique em Mais controles na parte inferior da tela.

  3. Clique em Configurações de senha.
  4. Para aplicar a configuração a todos, deixe a unidade organizacional mãe selecionada. Caso contrário, selecione uma unidade organizacional filha.
  5. Marque a caixa Exigir que os usuários definam uma senha.
  6. Escolha um nível de segurança da senha:
    • Padrão: exige um PIN ou uma senha. Os padrões de bloqueio de tela não são aceitos. Uma senha pode conter todos os tipos de caracteres em qualquer ordem.
    • Forte: exige pelo menos um caractere, número e símbolo. Esta opção não está disponível no Windows® Phone 7 e 7.5.
  7. (Opcional) Se você selecionar Forte, veja o que poderá fazer:
    1. Marque a caixa Aplicar configurações avançadas de nível de segurança da senha do Android
    2. Selecione opções para letras, números e caracteres especiais nas senhas. 
  8. Ao lado de Número mínimo de caracteres, digite um tamanho de senha mínimo.  
    As senhas fortes devem ter três ou mais caracteres.
  9. (Opcional) Para solicitar aos usuários que redefinam as senhas regularmente, marque a caixa Número de dias antes que a senha expire e digite o número. 
    Essa opção é compatível com dispositivos Android 3.0 Honeycomb e posteriores.
  10. (Opcional) Para impedir a reutilização de senhas expiradas:
    1. Marque a caixa Número de senhas expiradas que estão bloqueadas
    2. Digite o número de senhas anteriores que não podem ser usadas novamente. 
      Por exemplo, digite 2 para impedir que o usuário reutilize as últimas duas senhas do dispositivo.
      Essa opção é compatível com dispositivos Android 3.0 e posteriores.
  11. Para bloquear a tela do dispositivo depois que ele ficar inativo por um determinado tempo, selecione um período no menu Bloquear o dispositivo automaticamente após
    Nos dispositivos Apple® iPhone®, o limite é cinco minutos. No iPad®, o limite é 15 minutos.
  12. (Opcional, use com cuidado) Para excluir permanentemente os dados de um dispositivo de forma automática quando um usuário digitar uma senha incorreta:
    1. Marque a caixa Número de senhas inválidas permitidas antes da limpeza do dispositivo.
    2. Digite um número.
      Por exemplo, se você digitar 5, serão permitidas quatro tentativas malsucedidas. Após a quinta, o dispositivo é excluído permanentemente, e as configurações originais são restauradas.
  13. Clique em Salvar. Se você tiver configurado uma unidade organizacional filha, talvez seja possível herdar ou modificar as configurações de uma unidade organizacional mãe.
Opção menos segura (não recomendada): desativar requisitos de senha
Antes de começar: para aplicar a configuração a determinados usuários, coloque as contas deles em uma unidade organizacional.
  1. Faça login no Google Admin Console.

    Faça login com sua conta de administrador (não termina em @gmail.com).

  2. Na página inicial do Admin Console, acesse Dispositivos.

    Se a opção "Dispositivos" não aparecer na página inicial, clique em Mais controles na parte inferior da tela.

  3. Clique em Configurações de senha.
  4. Para aplicar a configuração a todos, deixe a unidade organizacional mãe selecionada. Caso contrário, selecione uma unidade organizacional filha.
  5. Desmarque a caixa Exigir que os usuários definam uma senha.
  6. Clique em Salvar. Se você tiver configurado uma unidade organizacional filha, talvez seja possível herdar ou modificar as configurações de uma unidade organizacional mãe.

Tópicos relacionados

Isso foi útil?
Como podemos melhorá-lo?